sexta-feira, 29 de novembro de 2019

O destino do corpo de Daenerys em GoT


O episódio final de Game of Thrones foi um dos mais controversos da história da TV. E se você achou que a essa altura já havia-se debatido tudo sobre a oitava temporada, está enganado. Com o lançamento em DVD e Blu-ray da última temporada da série, os fãs estão podendo ouvir os comentários dos criadores, elenco e equipe por trás da produção.


Conforme divulgado pela Entertainment Weekly, uma grande questão deixada pela série é respondida durante a faixa de comentários do último episódio. Os showrunners David Benioff e DB Weiss explicam o que acontece com o corpo de Daenerys depois que ela é morta nas mãos do seu regicida e amante Jon Snow e é levada pelo seu “filho” Drogon.
Como é discutido no comentário, Emilia Clarke estava preocupada com o destino da sua personagem, pois ouvira dizer que dragões comem seus mestres no mundo do GoT. Porém, os criadores da série acalmaram os nervos da atriz, com Benioff dizendo a ela que Drogon apenas levou Dany para seu verdadeiro lar, Volantis.
Volantis é uma das primeiras e maiores Cidades Livres do outro lado do Mar Estreito, a leste de Westeros. Foi lá, no Império Valiriano, que os dragões tiveram sua origem e foram dominados, que a dinastia Targaryen nasceu; e de onde vêm os grandes feitos de engenharia com o Aço Valiriano.

Outra questão curiosa debatida pelos showrruners é qual a principal razão por trás da decisão de Drogon em tacar fogo no Trono de Ferro após a morte de Dany. A resposta é mais simples e menos poética do que parece: Drogon não queria que ninguém mais além de sua mãe sentasse naquele trono, queimando-o então para que ninguém mais fizesse isso.

Quanto à decisão de Jon de matar Dany foi tudo uma questão de preservação da família.
     “Ele não sabe que vai traí-la até o final”, diz Kit Harington, ator de Jon Snow na faixa de áudio. “Na cabeça de Jon, há vários motivos que Dany não leva em consideração, e no fim das contas, ela ia matar minhas irmãs, então se torna minha família versus ela.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário